Churros não são iguais: as diferenças entre a guloseima espanhola e a brasileira

Churros não são iguais: as diferenças entre a guloseima espanhola e a brasileira

Quem resiste a um bom e saboroso churros? O doce, que é preparado à base de farinha de trigo e água, em formato cilíndrico e frito em óleo vegetal, tornou-se muito popular nos países latino-americanos, embora sua criação tenha sido na Espanha. O fato é que, com o tempo, acabamos criando a nossa própria versão para essa iguaria. Hoje, as diferenças são enormes. Thaís Vargas, sócia- -fundadora de uma franquia de churros gourmet, esclarece abaixo.

A maior delas é que na Espanha não há recheio. O mais comum é degustar o churros acompanhado de uma xícara de chocolate derretido ou mesmo com um cafezinho. Ou seja, ele pode ser degustado como uma sobremesa ou como um tira-gosto. É possível até encontrar versões salgadas.

Já no Brasil, quanto mais doce, melhor. Há uma infinidade de opções de recheios, sendo os mais comuns doce de leite e chocolate. Uma camada de açúcar e canela também costuma ser indispensável. Aqui, a guloseima é servida basicamente como sobremesa, já sendo possível inclusive encontrar até bolos de churros, claramente inspirados no doce.

MASSA ÚNICA

Outra grande diferença diz respeito à forma. Apesar de serem todos em formato cilíndrico, no Brasil, os recheios são mais grossos e feitos em tiras do mesmo tamanho. Já os espanhóis são mais finos e cortados em pequenos pedaços a partir de uma massa única.

Um outro cuidado indispensável é para a fritura. Tanto lá quanto aqui, o churros é sempre frito. Nesse aspecto é onde fica mais evidente a diferença entre um churros de boa e um de má qualidade. Os ruins, normalmente são fritos em óleo reutilizado, ficando muitas vezes encharcado. Já os melhores, ficam sequinhos porque normalmente são apenas pré-fritos em óleo vegetal, sendo que a finalização fica por conta de um forno elétrico, deixando o produto muito mais sequinho e saboroso.

Agora que você já sabe bem as diferenças entre churros brasileiros e espanhóis, não hesite em experimentar várias opções até encontrar a sua predileta. E, se tiver a oportunidade de ir à Espanha, não deixe de provar o de lá também. Se você for como eu, com certeza vai preferir o nosso!

Deixe um comentário

*