INDEFINIÇÃO –  Usuários defendem Ceret

INDEFINIÇÃO – Usuários defendem Ceret

O conselho de usuários do Ceret (Centro Esportivo, Recreativo e Educativo do Trabalhador) se reuniu na última segunda-feira, dia 3, para discutir as mudanças implementadas no clube pela Secretaria Municipal de Esportes, Lazer e Recreação (Seme). De acordo com os membros do grupo, uma das principais alterações foi a de reduzir o número de seguranças da empresa contratada. Dos 16 que trabalhavam durante o dia, restaram nove e dos 11 que atuavam à noite, ficaram cinco.

ANTIGO DIRETOR

Outro ponto discutido estava relacionado à conquista deles obtida junto ao antigo diretor, Mohamed Mourad. Segundo eles, um acordo possibilitou que o Ceret funcionasse até a meia-noite nos fins de semana. Além disso, criou-se as pistas de bicicleta, skate e patins, sem contar as vagas para idosos e deficientes na frente do parque. Com isso, tanto a feira quanto os motoristas passaram a ocupar um terreno existente na Rua Eleonora Cintra, impedindo que não-usuários deixassem seus veículos no local durante todo o dia.

NOVOS HORÁRIOS

Com a nova proposta da Secretaria, o estacionamento que funcionava das 6 às 22 horas, agora ficará aberto das 7 às 18 horas, e sem a empresa de segurança. Portanto, quem quiser parar o carro no espaço assumirá a responsabilidade pelos riscos de furtos ou quaisquer outras avarias no automóvel. Diante dessas situações e do fato do Ceret estar sem diretor desde o dia 7 de junho, o conselho se reuniu para estabelecer um plano de metas. Em princípio será criado um organograma que estabelecerá grupos responsáveis pela comunicação, jurídico, promotoria pública, esportes, entre outras áreas de atuação.

Conselho de usuários espera somar com o novo diretor que irá assumir”

TRABALHAR JUNTO

Com a divisão dos grupos de usuários, as pessoas vão buscar a manutenção das conquistas e a criação de novos projetos. Para isso, eles afirmaram querer somar com o diretor que irá assumir o clube. De acordo com os moradores da região, o objetivo do conselho é o de tornar o Ceret cada vez melhor, apontando todas as possibilidades, dificuldades, alternativas e vitórias alcançadas.

Usuários do Ceret se reuniram para discutir as atuais mudanças feitas no clube

Usuários do Ceret se reuniram para discutir as atuais mudanças feitas no clube

MENOS SEGURANÇA

Por isso, durante a reunião, os usuários demonstraram grande preocupação com as decisões recentes da Seme. Conforme eles, tirar seguranças em época de férias escolares é um “tiro no pé”. Por ter se deparado com a situação, um dos frequentadores disse que quando alguns grupos de jovens se juntam no parque há destruição de parte dos equipamentos. Segundo o usuário, infelizmente muitos não respeitam os outros visitantes.

SEM TRANSPARÊNCIA

Sobre o retorno ao antigo horário de funcionamento, das 6 às 22 horas, o usuário representante do grupo de atletismo afirmou que havia conquistado a oportunidade de entrar no clube a partir das 5 horas, pois entra às 7 horas no trabalho. Agora, ele terá de treinar na rua. A mesma preocupação com as mudanças eram divididas pelos representantes de grupos escoteiros, do Narcóticos Anônimos e de praticantes de rugby, tênis e vólei, entre outros. Isso porque a Seme não foi transparente com os moradores e impôs as alterações. Ao mesmo tempo, o órgão impediu que membros da administração do Ceret participassem do encontro do conselho.

Deixe um comentário

*