ITAQUERA – CEI está pronto, mas não abre

ITAQUERA – CEI está pronto, mas não abre

Previsto para ser entregue em junho desse ano, prédio do Centro de Educação Infantil (CEI) Tamoio continua fechado, mesmo aparentemente pronto. Iniciada em 2014, a obra está a cargo da Lopes Kalil Engenharia e fica na Rua Domingos Rubino, esquina com a Rua Jardim Tamoio.

Os gastos com as obras totalizaram R$ 3.920.519,83, conforme a Siurb. O CEI terá dois pavimentos, e é composto por área de lazer (playground), solário, cozinha industrial, refeitório, área administrativa, salas para brinquedoteca, lactário, banheiros com acessibilidade, aquecimento de água para os chuveiros, salas de aula, berçários e elevador. No que diz respeito ao tamanho do local, o terreno tem 1.931 m², e a área construída é de 923 m². A unidade terá capacidade de atender até 190 crianças.

Esse tipo de unidade educacional é um espaço coletivo de vivência da infância. Ele contribui para a construção da identidade social e cultural das crianças, fortalecendo o trabalho integrado do cuidar e do educar, numa ação complementar à da família e da comunidade.

BENEFÍCIOS

O trabalho educacional proporciona segurança, alimentação, cultura, saúde e lazer, com vistas à adequada inserção na sociedade, prevenção de doenças e conflitos familiares, promoção da saúde e proteção à infância. O CEI atende, preferencialmente, crianças de Berçário I, Berçário II, Minigrupo I e Minigrupo II. Em algumas unidades, há também os grupos de Infantil I e II.

NÚMEROS

De acordo com a Secretaria Municipal de Educação, a rede municipal de ensino tem 2.021 Centros de Educação Infantil (CEIs), sendo 1.992 em funcionamento, e 277.080 crianças matriculadas em creches. As Escolas Municipais de Educação Infantil (Emeis) garantem matrículas para outras 215.441 crianças em pré-escola. Assim, o atendimento na educação infantil alcança 492.521 crianças.

Conforme a SME, atualmente há 167 equipamentos educacionais em construção. Ao todo, 84 obras já foram concluídas, entre elas 38 creches, 31 escolas de educação infantil, 14 escolas de ensino fundamental e um Centro Educacional Unificado (CEU). Outros 79 equipamentos estão em obras, sendo 53 creches, 17 escolas de educação infantil, uma escola de ensino fundamental e oito CEUs.

RECURSOS

Para Manoel Del Rio, da Associação de Auxílio Mútuo da Região Leste, é necessário melhorar o modelo atual de creches, ampliando o horário de atendimento para 12 horas, contemplando a jornada de trabalho das mães e o tempo gasto no transporte. Ele afirma que os recursos aplicados em creches na cidade são mínimos. Não atinge nem 2% do orçamento municipal.

Deixe um comentário

*