Silvio Romero: Luta pela Base da PM continua

Silvio Romero: Luta pela Base da PM continua

Por

SERGIO MURILO MENDES

A cidade vive uma nova fase com a Prefeitura recebendo o apoio da iniciativa privada em alguns de seus projetos. A partir dessa realidade, moradores perguntam se não seria possível conseguir ajuda para a reforma da Base Comunitária da PM, localizada na Praça Silvio Romero, no Tatuapé. Com projeto aprovado, Prefeitura Regional Mooca teria de autorizar a liberação da área para o início das obras. O morador Rogério dos Santos afirmou se lembrar da primeira mobilização promovida por entidades e empresários interessados em elevar a outro patamar o serviço prestado pela base. “Inclusive engenheiros e arquitetos desenvolveram um protótipo de construção e entregaram à PM”, completou.

COMO FUNCIONA

Atualmente, o local possui banheiro unissex e armários para o efetivo fixo. Também há bebedouro e micro-ondas. A base possui cadeiras para os policiais e para o atendimento ao público, que é feito com o apoio de um computador e uma impressora. Há também linha telefônica e um radiotransmissor portátil, utilizado pelos policiais em suas rondas.

BELÉM E VILA FORMOSA

Desde o surgimento do projeto de remodelação, diversas empresas se propuseram a oferecer o material e a mão de obra necessários ao novo prédio. Os investidores também se dispuseram a oferecer câmeras de segurança e todo o mobiliário para o espaço. Como o processo encontra-se parado, cabe a informação de que a intenção dos interessados na mudança é a de trazer para o bairro um modelo parecido com o existente no Largo São José do Belém e na Praça Sampaio Vidal.

Deixe um comentário

*