TERRITÓRIO CEU CARRÃO/TATUAPÉ – Ritmo da obra diminui e cronograma deve ser alterado, mais uma vez

TERRITÓRIO CEU CARRÃO/TATUAPÉ – Ritmo da obra diminui e cronograma deve ser alterado, mais uma vez

A reportagem desta Gazeta voltou ao Clube Escola Tatuapé para verificar como está o andamento da obra para tornar o espaço no Território CEU Carrão/Tatuapé. Entretanto, muita coisa mudou de dois meses pra cá. A primeira alteração é que José Garcia Teles Junior não é mais o diretor. Ele foi exonerado do cargo no dia 7 de outubro. Agora, quem está em seu lugar é Marta Coentro Gomes.

A reportagem também notou que há pouca gente trabalhando no canteiro de obras e que o ritmo deu uma boa diminuída. Como informado na matéria publicada anteriormente, começaram a ser colocadas as vigas de sustentação do módulo do prédio Esportivo, mas os trabalhos para colocação das brocas e das sapatas ainda não aconteceram nos prédios da Educação e Cultura. Aliás, neste caso, o processo está bem mais atrasado.

Entretanto, no que se refere ao gradil que faltava no contorno do clube na Rua Tijuco Preto, o trecho que estava aberto já foi fechado. Outra boa notícia é que o entulho que continua na área das piscinas já está sendo usado na obra e transformado em cascalho. Porém, num modo geral, de acordo com o que foi visualizado no espaço, a obra não deverá ser entregue no primeiro semestre de 2017. Os trabalhos devem demorar um pouco mais e o cronograma deverá ser alterado, mais uma vez.

Outro assunto muito questionado por quem frequenta o espaço, ainda diz respeito à compensação ambiental. Segundo um último balanço feito, passa de 200 o número de espécies que serão plantadas no local ao término da obra.

Gradil entre as ruas Tijuco Preto e Apucarana já foi instalado

Gradil entre as ruas Tijuco Preto e Apucarana já foi instalado

Equipamentos de ATIs serão retirados em breve do Clube Escola Tatuapé

Equipamentos de ATIs serão retirados em breve do Clube Escola Tatuapé

Obra dos prédios da Educação e Cultura está mais atrasada do que a do prédio Esportivo

Obra dos prédios da Educação e Cultura está mais atrasada do que a do prédio Esportivo

NOVOS EQUIPAMENTOS

A direção do Clube Escola Tatuapé continua pedindo para que as pessoas que utilizam os equipamentos de exercícios chamados de ATIs, procurem a secretaria para informar quais são os aparelhos mais utilizados. Isso porque os que lá estão serão retirados em breve e os novos equipamentos serão comprados de acordo com a demanda de utilização.

DIVIDIDO EM DOIS

Vale lembrar que a secretaria está funcionando normalmente e a carteirinha pode ser feita na hora. Quem tem o cartão do SUS pode levá-lo para agilizar o processo para a sua impressão. Quem não tiver, apresenta o RG. E não precisa mais levar foto. Ela agora é digital e feita na hora. O Clube Escola Tatuapé segue dividido em duas partes, sendo que metade está por conta das obras e a outra aberta ao público. A entrada pela Rua Apucarana está aberta e dá acesso às atividades de alongamento, dança de salão, capoeira, futebol de campo feminino, karatê, kickboxing, tai-chi-chuan, taekwondo e caminhadas. Já a bocha, a secretaria e os trabalhos do Narcóticos Anônimos têm entrada pela Rua Monte Serrat. Mais informações no telefone 2097-7435, das 8 às 17 horas, de segunda a sexta.

Deixe um comentário

*