Unhas roxas pode ser sinal de doença cardíaca

Unhas roxas pode ser sinal de doença cardíaca

As unhas não são apenas mais um item da beleza feminina. Enquanto muitas mulheres se preocupam apenas em mantê-las bem esmaltadas, muitas vezes se esquecem de que elas podem indicar problemas de saúde. 

A dermatologista Samantha Enande explica que se as unhas estiverem curvadas para baixo, um pouco alargadas e com coloração arroxeada, podem ser sinal de alguma doença cardíaca. “Quando o corpo é atacado por infecções ou está com as defesas em baixa, as unhas apresentam alguma alteração na sua estrutura. É importante saber detectar os sinais”, alerta.

FALTA DE VITAMINAS
É fácil entender: a unha é formada por três camadas de células queratinosas superpostas de consistências diferentes e são responsáveis por mais de 10% das afecções da pele. O exame de unhas e lesões denuncia não só problemas no organismo como também a falta de vitaminas.

Para a dermatologista, as unhas quebradiças com manchas brancas, por exemplo, da mesma maneira que podem caracterizar uma simples alergia a produtos, como esmaltes, detergentes e sabonetes também podem ser indicadores da carência de ferro, ácido fólico e vitamina B12 e resultar em psoríase, micose e até anemia.

FALTA DE SUBSTÂNCIAS
Confira algumas doenças e falta de substâncias diagnosticadas pelas unhas.

  • Anemia: unhas quebradiças, secas, opacas, côncavas e deslocamento da carne na ponta dos dedos;
  • Doenças cardíacas: unhas curvadas para baixo, alargadas, coloração arroxeadas;
  • Doenças renais: unhas grossas, amareladas ou acinzentadas, linhas verticais esbranquiçadas;
  • Doenças hepáticas: unhas esbranquiçadas perto da raiz ou amareladas por inteiro;
  • Doenças digestivas: unhas com pontos hemorrágicos, doloridas, frágeis e que se descolam ou descamam;
  • Diabete: unhas grossas, avermelhadas e com pequenas veias no dedo ao redor das unhas, micoses mais frequentes e engrossamento e endurecimento das pontas dos dedos;
  • Hipertireoidismo: unhas com afinamento e enfraquecimento;
  • Hipotireoidismo: unhas opacas e grossas;
  • Falta de vitamina A: unhas com aspecto de casca de ovo, enrugada, esbranquiçada e quebradiça;
  • Falta de vitamina C: unhas com hemorragia embaixo da unha;
  • Falta de vitamina B3: unhas com linhas verticais esbranquiçadas e ausência de brilho;
  • Zinco: coloração acinzentada, cutícula seca e grossa, descamação intensa ao redor das unhas, linhas transversais bem acentuadas.

Deixe um comentário

*